Na terça-feira dia 20, foram liberados os saques e transferências do auxílio emergencial no valor de R$ 600 aos nascidos em outubro, que não recebem o Bolsa Família. Dependendo da data em que seu cadastro foi aprovado, será possível sacar uma das cinco parcelas. Essa parte do valor faz parte do segundo ciclo de pagamento, o qual foi depositado na poupança digital em 2 de setembro.

Nessa mesma data, foi liberado o saque da segunda parcela do auxílio residual, no valor de R$ 300,00. A liberação foi para as famílias inscritas no Bolsa Família, as quais tenham o Número do NIS com final 2.

A seguir você pode conferir mais informações a respeito do calendário de pagamento deste benefício.

AUXÍLIO EMERGENCIAL
AUXÍLIO EMERGENCIAL

Saques para o Bolsa Família do auxílio de R$ 300

Os inscritos que tem direito ao auxílio residual, poderão sacar o valor de R$ 300 ou R$ 600 (no caso das mulheres chefes de família) até o último dia de outubro. Os saques serão liberados também de acordo com o último digito do NIS.

É importante saber que, o pagamento do auxílio e do Bolsa Família não podem se integrar. Caso o valor do seu Bolsa Família seja menos de R$ 300 você receberá parcelas de R$ 300. Já se ele for acima de R$ 300, você receberá o valor do Bolsa Família.

O benefício pode ser sacado através do Cartão Bolsa Família, Cartão Cidadão ou ainda pode-se optar por crédito em conta.

Auxílio emergencial 7ª parcela do Bolsa Família

2ª parcela do auxílio residual

Final do NIS Data do saque
NIS 1 19/out (seg)
NIS 2 20/out (ter)
NIS 3 21/out (qua)
NIS 4 22/out (qui)
NIS 5 23/out (sex)
NIS 6 26/out (seg)
NIS 7 27/out (ter)
NIS 8 28/out (qua)
NIS 9 29/out (qui)
NIS 0 30/out (sex)

 

Autorização para saques e transferências para o público geral

A autorização para saques e transferências é destinada a quem se inscreveu nas agências dos Correios, aplicativo ou site do auxílio emergencial ou ainda, por quem já possuía inscrição no Cadastro Único, mas não é beneficiário do Bolsa Família.

O valor é depositado em poupança digital Caixa, no entanto, sua movimentação só podia ser feita através do aplicativo Caixa Tem, sendo possível através do mesmo, realizar o pagamento de contas e boletos, e ainda compras com o cartão virtual.

Aniversariantes de janeiro a outubro poderão hoje, sacar o restante do valor em agências bancárias, correspondentes Caixa Aqui ou lotéricas. Há ainda a opção de transferir o valor a outra conta.

Qual parcela poderei sacar ou transferir?

O público geral poderá receber hoje a parcela que faz parte do segundo ciclo e depende da data de aprovação do auxílio. Entenda:

  • 1ª parcela: beneficiários cadastrados por trabalhadores dos correios entre os dias 8 de junho e 2 de julho
  • 1ª parcela: beneficiários que tiveram o cadastro aprovado entre os dias 3 de julho e 16 de agosto
  • 2ª parcela: Beneficiários com o cadastro aprovado no mês de julho
  • 2ª parcela: beneficiários cadastrados para receber o auxílio entre os dias 24/04 e 19/06
  • 3ª parcela: beneficiários que passaram a receber o auxílio entre junho e julho
  • 4ª parcela: Beneficiários que passaram a receber em maio
  • 5ª parcela: beneficiários que assaram a receber em abril

Pessoas que tiveram parcelas bloqueadas ou então problemas no cadastro por conta de suspeita de fraude, é possível que recebam até dois pagamentos acumulados para saque e transferência.

Entenda o pagamento por ciclos

É chamado de clico cada calendário em que os beneficiários do auxílio emergencial recebem pelo menos uma parcela. Os cronogramas de pagamento são organizados de acordo com o mês de nascimento de cada cidadão, iniciando em janeiro e terminando em dezembro.

Há dois cronogramas a cada ciclo, sendo os dois, levado em consideração a data de aniversário de quem receberá o benefício.

Primeiramente, o dinheiro é depositado em poupança digital Caixa, e, então, os valores poderão ser utilizados somente no aplicativo Caixa Tem, de forma virtual, para pagamento de contas e compras pelo cartão. Após essa opção, há uma segunda etapa destinada para saque ou transferência do auxílio para outra conta bancária.

O primeiro ciclo já foi encerrado, agora a fase de saques do ciclo dois está iniciando.

Auxílio Emergencial – Ciclo 2

Mês de aniversário Depósito Saques
Janeiro 28/ago 19/set
Fevereiro 02/set 22/set
Março 04/set 29/set
Abril 09/set 1º/out
Maio 11/set 03/out
Junho 16/set 06/out
Julho 18/set 08/out
Agosto 23/set 13/out
Setembro 25/set 15/out
Outubro 28/set 20/out
Novembro 28/set 22/out
Dezembro 30/set 27/out

 

Próximos ciclos de pagamento

Haverá no total seis ciclos de pagamento, com depósitos até 29 de dezembro e saques até 27 de janeiro. A quantidade total de parcelas que o beneficiário terá direito serão de acordo com o mês de início do recebimento do auxílio. O máximo a ser recebido são 9 parcelas, cinco primeiras no valor de R$ 600 e as outras quatro de R$ 300.

  • Quem recebeu a 1ª em abril: 9 parcelas
  • Quem recebeu a 1ª em maio: 8 parcelas
  • Quem recebeu a 1ª em junho: 7 parcelas
  • Quem recebeu a 1ª em julho: 6 parcelas

Aqueles que contestaram o cadastro pela plataforma digital entre os dias 20 de julho e 25 de agosto e forem considerados elegíveis, receberão o total de cinco parcelas de R$ 600. A primeira no terceiro ciclo e as duas últimas juntas no ciclo 6. Essas pessoas não terão direito ao auxílio emergencial residual, que são as parcelas no valor de R$ 300.

As mulheres chefes de família possuem direito a duas cotas. As primeiras cinco parcelas serão no valor de R$ 1.200, já o restante será no valor de R$ 600.

Confira abaixo o cronograma completo divulgado para as próximas datas de pagamento do auxílio emergencial:

Ciclo 3

Mês de aniversário Depósito Saques
Janeiro 30/set 7/nov
Fevereiro 5/out 7/nov
Março 7/out 14/nov
Abril 9/out 21/nov
Maio 11/out 21/nov
Junho 14/out 24/nov
Julho 16/out 26/nov
Agosto 21/out 28/nov
Setembro 25/out 28/nov
Outubro 28/out 1º/dez
Novembro 29/out 5/dez
Dezembro 1º/nov 5/dez

 

Ciclo 4

Mês de aniversário Depósito Saques
Janeiro 30/out 7/nov
Fevereiro 4/nov 7/nov
Março 5/nov 14/nov
Abril 6/nov 21/nov
Maio 8/nov 21/nov
Junho 11/nov 24/nov
Julho 12/nov 26/nov
Agosto 13/nov 28/nov
Setembro 15/nov 28/nov
Outubro 16/nov 1º/dez
Novembro 18/nov 5/dez
Dezembro 20/nov 5/dez

 

Ciclo 5

Mês de aniversário Depósito Saques
Janeiro 22/nov 19/dez
Fevereiro 23/nov 19/dez
Março 25/nov 4/jan
Abril 27/nov 6/jan
Maio 29/nov 11/jan
Junho 30/nov 13/jan
Julho 2/dez 15/jan
Agosto 4/dez 18/jan
Setembro 6/dez 20/jan
Outubro 9/dez 22/jan
Novembro 11/dez 25/jan
Dezembro 12/dez 27/jan

 

Ciclo 6

Mês de aniversário Depósito Saques
Janeiro 13/dez 19/dez
Fevereiro 13/dez 19/dez
Março 14/dez 4/jan
Abril 16/dez 6/jan
Maio 17/dez 11/jan
Junho 18/dez 13/jan
Julho 20/dez 15/jan
Agosto 20/dez 18/jan
Setembro 21/dez 20/jan
Outubro 23/dez 22/jan
Novembro 28/dez 25/jan
Dezembro 29/dez 27/jan

 

Dinheiro sumiu? Pode ser transferência automática

Caso o benefício que estava na poupança digital tenha “sumido”, é possível que o dinheiro tenha sido transferido automaticamente para outra conta pessoal, normalmente, a conta que foi indicada no momento do cadastro do auxílio emergencial.

Sendo assim, o indicado é que o saldo do APP Caixa Tem seja verificado antes das pessoas se dirigirem a uma agência Caixa ou então lotéricas e correspondentes Caixa Aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor informe seu nome